Notícias - Destaques

Grito dos Excluídos: metalúrgicos protestam contra retirada de direitos

No sábado, 7 de setembro, os metalúrgicos e metalúrgicas de Campinas e região juntamente aos trabalhadores de diversas categorias e movimentos sociais, como Movimentos dos Trabalhadores Rurais Sem Terra e Pastoral Operária, partiram do Largo do Pará com seus cartazes, faixas e bandeiras e seguiram em passeata pela Avenida Francisco Glicério.

Com o lema Este sistema não vale! os manifestantes protestaram contra o desmonte dos direitos da classe trabalhadora, que veio com a Reforma Trabalhista aprovada no governo Temer, e contra a proposta de Reforma da Previdência do governo Bolsonaro, que foi aprovada na Câmara dos Deputados, mas aguarda votação no Senado.

Denunciaram também mais uma Reforma Trabalhista de Bolsonaro, que visa atacar ainda mais os sindicatos e passar a carteira de trabalho verde e amarela, em que o patrão não precisa pagar nenhum direito trabalhista, o que vai piorar ainda mais as relações e as condições de trabalho e de vida de todos nós, trabalhadores.

Jornal da Categoria